A buceta da tia Eli

Meu nome e Carlos, tenho 25 anos, sou casado e tenho um tesão enorme por minha tia Eli .
O que vou relatar aconteceu comigo já vem de alguns anos mais ou menos quando eu tinha 16 anos e vi minha tia Eli pela primeira vez de calcinha, minha tia tem 47 anos e um corpo escultural para sua idade pois é praticante de corrida de rua.
Desde aquela época eu não tiro da cabeça minha tia só de calcinha dormindo do meu lado a cama dela em uma noite que seu marido foi fazer um trabalho a noite, e me chamaram para dormir em sua casa.
O que vou relatar agora aconteceu há uns dois meses atrás, já fazia uns dois anos que não via minha,e a encontrei em um açougue perto de onde eu trabalho, estava pegando alguns temperos quando um moço que estava ao meu lado escolhendo alguns temperos me chamou a atenção para uma coroa gostosa que estava na fila.
Quando olhei para minha surpresa era minha tia.
Entrei na fila e a cumprimentei, já fazia algum tempo que não tínhamos contacto.
Ela perguntou por todo mundo de casa e falou que havia mudado por causa do serviço do JR seu marido mas já estavam de volta a São Paulo e que o JR continuava trabalhando na mesma empreiteira de sempre era o engenheiro responsável por alguns apartamentos que estavam sendo construídos na região.
Perguntei se ela estava de carro e queria uma carona para ajuda-la com as sacolas, ela aceitou e fui ate sua casa, para saber onde era seu endereço para uma próxima visita da família.
Quando chegamos, entramos colocamos as sacolas sob a mesa, e ficamos conversando como estava a vida, ela falou que estava tudo bem, mas que seu marido continuava trabalhado a noite, e deveras a deixava na mão dormindo sozinha, foi quando comecei a lembrar daquela vez que havia dormido na sua cama e passado a noite em claro vedo aquele lindo bundão que tem minha tia, olhava através daquele minúsculo vestido ela de costa na pia fazendo um suco, e eu me deliciando com aquele bundão.
Ela se virou e falou vou acordar o JR, para ele te ver como você se transformou num pedaço de mau caminho!
Saiu em direcção ao quarto e deu uma risadinha safada, e eu já não me aguentava de tão duro que meu pau estava, quando ela retornou me falou que o JR havia saído, acho para pagar alguma coisa.
Falei que pena mas já sei onde é sua casa qualquer coisa volto outro dia e trago o pessoal, trocamos o tel e fui embora dando um forte abraço bem apertado e um beijo bem gostoso no seu rosto, quando ela falou:
– Nossa menino como você cresceu, que músculos! você faz academia??? Esta com um corpo maravilhoso!
Eu respondi:
– Imagina a senhora que não muda nada, esta sempre com este corpo de menina!A buceta da tia Eli
Ela riu e eu fui embora.
Se passaram alguns dias desde aquele encontro com minha tia, quando meu celular toca e era ela, perguntando o que o pessoal havia falado da volta deles. Eu respondi que todos haviam ficado contentes, e eu qualquer dia iria leva-los ate la.
Foi quando ela me falou se eu não poderia passar lá ainda nesse dia que o JR teve que viajar, que ela estava sozinha precisando conversar com alguém…
Falei que ia fazer algumas coisas e que passaria a tarde.
Ela falou:
– Vou te esperar com um suco bem geladinho para você!
Tomei um banho coloquei uma roupa bem leve uma bermuda desta de surf e uma regata bem apertada onde desenhava todo meu peitoral.
Quando cheguei nem acreditei minha estava bem linda com um shortinho minúsculo que desenhava todo aquele bucetão, sentei no sofá e ela foi logo dizendo que ia buscar um suco bem gelado, pois estava fazendo muito calor, que eu não me acanhasse se quisesse tomar um banho.
Sentou-se do meu lado e começou a falar que estava com muita saudade de quando eu falava que ela era a tia mais bonita que eu tinha, foi quando lhe falei que achava que ela estava muito carente se o JR não estava lhe falando palavras carinhosas…
Ela falou que o JR só pensava no trabalho e que ela estava se sentindo muito jogada a vida, estava se sentindo mal amada e começou a chorar no meu ombro, fiquei estático com aquele mulherão colada ao meu corpo e foi automático para meu pau ficar duro, e acho que ela sentiu, pois eu estava com um daqueles shorts de tectel e não havia colocado cueca por baixo.
comecei a alisar seu cabelo dizer que se ela não fosse minha tia me casaria com ela com todo prazer, pois era a mulher mais linda que eu conhecia, ela me apertou forte pois estava de pé abraçado com aquela mulher me apertando com tanta força que sentia a cabeça da minha rola, forçando na sua barriga…
A tia é baixinha e muito gostosa, criei coragem e lhe dei um beijo em seu pescoço que estava suado pelo calor, e supostamente pelo tesão que estava sentindo, quando a soltei senti que ela ficou desconsertada e falou que estava muito quente, que ia tomar um banho para refrescar que se eu quisesse poderia tomar um depois.
Quando ela voltou veio para a sala toda de roupão e muito cheirosa, insistiu para que eu tomasse um banho mas me neguei e não fui, fiquei admirando-a de longe pois ela sentou no sofá da frente, e eu não conseguia tirar os olhos daquelas pernas por baixo daquele roupão.

Começamos a ver um filme, sentados juntos no sofá quando adormecemos ali no sofá, quando acordei e abri os olhos e vi que já tinha escurecido, e minha tia estava relaxada no sofá, com cuidado soltei o laço do roupão e pude ver que titia estava nua somente de roupão, eu fiquei tremendo quando vi aquela bucetona com apenas uns pelinhos na boquinha, queria cair de boca ali mas não sabia de sua reacção, foi quando tive uma ideia iria pega-la no colo e leva-la para cama se ela acordasse me justificaria.
Levantei-a do sofá, ela abriu os olhos e falou:
– O que você esta fazendo meu bem?
– Estou lhe levando para o quarto, pois já escureceu…
– Você vai dormir comigo hoje??
– Tia tenho que ir embora…
Ela falou:
– Dorme comigo, não me deixa sozinha…
Coloquei-a na cama ela caiu sobre cama de olhos fechados, mas com as pernas bem abertas podia ver aquela linda xotinha, não resisti e cheguei mais perto e senti o perfume daquela linda buceta, comecei a beijar sua barriga descendo lentamente em direcção aquele lindo orifício cheiroso, comecei a chupar aquele belo grelo, ela tremia e gemia ao mesmo tempo já dando um espasmo de que ia gozar na minha boca ,não resisti e já estava eu quase gozando quando levantei lentamente suas pernas e alojei lentamente a cabeça da minha rola naquela xota.
Fui empurrando pouco a pouco e quando vi os meus 22 cm já estavam todos dentro daquela linda buceta da tia Eli, eu gozei ela gozou mais umas vezes e quando dei por mim já estava de manha, acordei todo envergonhado liguei para minha mãe e fui para o trabalho desde então dou uma assistência para minha querida madrinha e tia que tanto amo……….

Podes seguir todas as respostas a este artigo subscrevendo gratuitamente a RSS 2.0 feed. Também podes deixar um comentário, ou enviar um trackback através do seu site.
1 comentario
  1. bruno diz:

    cara vc mandou muito bem cara fudendo a titia

Deixe um comentário

XHTML: Pode usar as tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>