Fodendo com o meu patrão

Olá.
O meu relato erótico aconteceu mais ou menos a um mês atrás. Meu nome é Roberta, tenho 25 anos, sou branca tenho 1,75cm, sou uma garota muito inocente.
Certo dia cheguei para trabalhar, como de rotina estavam todos em casa o patrão a patroa e seu filho. Servi o café da manhã e lavei a louça. A patroa levou o filho na escola e ela avisou que não viria para o almoço só ficou eu e o patrão em casa.
O seu nome é Leonardo, moreno, alto, corpo definido, 32 anos. Fodendo com o meu patrão
Comecei a fazer meu serviço, estava lavando roupa e sempre reparei suas cuecas sempre imaginando o que tinha por dentro daquela cueca decidi é hoje ou nunca mais que eu vou saber o que tem ali.
Enquanto lavava a roupa percebi que ele me comia com os olhos, comecei a fazer umas gracinhas para ele, de repente percebi que ele se aproximou e me agarrou forte por trás e falou no meu ouvido:
- vou te dar o que você precisa!!!
Começou a beijar o meu pescoço e morder milha orelha… fui as estrelas de repente senti sua mão bem devagar sobre a minha buceta. Foi como jogar um balde de agua de tão molhada que ficou… ele já não resistindo se agachou e puxou a calcinha de lado e entrou de língua.

Que delicia, parecia um louco. Me pegou no colo e me levou para cama, arrancou toda minha roupa aí ele entrou para valer de língua.
Não resisti, toda aquele volume naquela cueca, comecei a morder por cima da cueca…
Na hora que ele baixou aquela cueca nunca tinha visto uma vara daquela!!!
Acho que dava uns 22cm… entrei de boca para valer ele urrava que nem um louco de tesão chupei até ele não aguentar mais de tesão. Ele me colocou de quatro e devagar foi penetrando aquela vara acho que nunca senti tanto tesão na minha vida. Comecei a rebolar naquela pica, entrou tudo, ficou somente as bolas para fora.
Ele começou a meter igual a um louco, de repente deu uma gozada na minha xaninha que escorria tudo pelas minhas pernas e ele não satisfeito colocou no meu cuzinho bem devagar.
Conseguiu penetrar tudo, eu não sabia se eu sentia mais dor ou mais tesão foi até que gozou de novo no meu rabinho.

Aquele dia foi um dia muito especial para mim tomei um banho e voltei a trabalhar.
Daquele dia para frente sempre que dava certo a gente brincava um pouco mas minha patroa descobriu e me despediu.
Mesmo assim não foi por causa disso que parei de dar para ele, arrumei outro serviço mas ainda continuo com meu cavalão me arrombando até hoje.
BJOS PARA TODOS

Podes seguir todas as respostas a este artigo subscrevendo gratuitamente a RSS 2.0 feed. Também podes deixar um comentário, ou enviar um trackback através do seu site.
Deixe um comentário

XHTML: Pode usar as tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>