Minha mulher deu o cuzinho, mas me contou

Bom, o que aqui escrevo é puramente verdade.
Sou casado há 18 anos com uma mulher muito bonita, tem 34 anos, loira, bumbum irresistível e um corpinho para mulher nenhuma botar defeito.
É o seguinte: nos damos muito bem na cama, ela adora sexo anal, aliás foi a minha primeira experiência com ela, apesar dela ter me contado que seus dois namorados antes de mim já havia lhe iniciado.

Tudo isso me deu muito prazer. Quando estamos transando as vezes fantasiamos ela transando com outro, o ex-namorado dela comendo seu cuzinho, isso nos dá muito tesão. Quando terminamos eu fico perguntando se ela tinha coragem de transar mesmo com seu ex-namorado, ela diz que não.
Porém um dia tive uma surpresa que me deixou doido de ciumes misturado com raiva e ao mesmo tempo com muito tesão. Havia chegado em casa mais cedo e como ela não estava, perguntei para minha filha dizendo-me que havia ido no super mercado, peguei o carro e fui ao seu encontro, pois queria comprar alguma coisa que estava faltando.
Quando entrei a avistei conversando com um cara, fiquei observando de longe e percebi que a conversa estava muito interessante, ela sorria, as vezes ele pegava em seu cabelo, fiquei no corredor paralelo bem próximo ao que eles estavam para ver se ouvia o que estavam conversando.
Deu para ouvir que o cara lhe elogiava, dizendo que ela estava mais bonita e depois de muita conversa pediu seu telefone. Voltei para a entrada do supermercado e me dirigi ao corredor que eles estavam, fui me aproximando e ela me viu e me chamou, apresentou-me o rapaz dizendo que era um amigo de infância, fiquei de orelha em pé mas tudo bem, nos despedimos, compramos alguma coisa e fomos para casa. Minha mulher deu o cuzinho, mas me contou
Aquilo tudo me deixava excitado, tanto que quando chegamos em casa transamos, comi seu cuzinho fantasiando que era o seu amigo de infância. Os dias transcorriam e sem ninguém saber mandei colocar uma escuta no telefone. Sempre que tinha oportunidade escutava as gravações, sempre ele ligava para ela no horário que eu não me encontrava em casa.
Todas as conversas era ele cantando ela, dizendo que ainda a amava e convidava para sair. Ela dizia que não tinha oportunidade e tinha medo, mas que apesar de gostar muito de mim (seu marido) sentia vontade de transar com outro.
Os dia passaram até que escutando as mensagens, uma dela marcaram um encontro, justamente no dia em que eu estaria viajando. Assim, sem dizer nada desmarquei a viagem e fiquei lhe vigiando, nesse dia ela saiu muito bonita com um vestido preto bem decotado, eu lhe observava de longe noutro carro emprestado de vidro fumê bem escuro.
Vi quando ela entrou no carro do rapaz e fui lhe seguindo de longe, chegaram num local tipo uma churrascaria de beira de estrada onde ficavam bem reservados, desceram do carro, se abraçaram e ficaram numa mesa nos fundos, eu me localizei no lugar onde não pudessem me ver e de lá vi tudo, eles se beijaram, estavam bebendo, vi que por debaixo da mesa o rapaz passava a mão na sua bucetinha enquanto que ela massageava seu pau por cima da calça.
Não demorou muito para pagar a despesa e se dirigirem para um motel. Fiquei louco imaginando o que eles faziam lá dentro. Como não pude entrar fui para casa lhe esperar.
Esperei oito horas até que chegou, surpresa por ter me encontrado em casa.
Como nossos filhos se encontravam em casa convidei-a para sair e fomos para um motel. Lá chegando eu lhe disse que sabia tudo e lhe contei os detalhes que eu havia lhe seguido.
Ela chorou me pedindo perdão, dizendo que me amava e que só fez aquilo porque tinha curiosidade, pois eu insinuava que ela transasse com outro, mas que nunca mais faria aquilo. Então eu disse que só lhe perdoaria se ela me contasse detalhe por detalhe o que tinha acontecido e ela contou que estava com muito tesão na churracaria, pois ele massageava seu clitóris por baixo da mesa e sentia seu pau duro e enorme, que quando chegou no motel ela abriu seu ziper e viu saltar um pau enorme e pôs chupá-lo, em seguida ele a deitou na cama abrindo suas pernas e chupou sua bucetinha, em seguida colocou-a de quatro lambendo seu orifício anal, disse que quando fez isso ficou louca a ponto de lhe pedir que lhe comece logo seu cuzinho e ele assim o fez…
Disse que primeiro ficou passando seu pau enorme e grosso na regada da sua bunda, depois cuspiu no seu cuzinho, direccionou seu cacete na entrada e foi forçando bem devagar, disse que ela já não aguentava mais de tanto tesão, então jogou sua bunda pra traz fazendo seu pau entrar de uma só vez.

Ficaram parados por um instante para passar a dor e começaram com os movimentos de vai e vem, disse que não demorou muito para ela gozar gemendo como uma louca, enquanto que ele lhe inundava seu cu de esperma, que ao retirar seu pau o leite ficou a escorrer por entre suas pernas, que em seguida pegou seu pau e chupou até a última gota.
Disse que estavam exaustos e foram para o banheiro, que lá eles começaram a se beijar, deixando-os em ponto de bala para repetir a dose, disse que fuderam diversas vezes e em várias posições.
Ouvindo aquilo tudo fiquei com tesão e transamos adoidado, comi seu cu feito louco….

Podes seguir todas as respostas a este artigo subscrevendo gratuitamente a RSS 2.0 feed. Também podes deixar um comentário, ou enviar um trackback através do seu site.
9 comentários
  1. RONNY diz:

    DELICIA DE CONTO FIQUEI EXCITADO TO AFIM DE COMER ELA TBEM RONNY19CM@HOTMAIL.COM

  2. fiquei louco de tesao em ouvir este relato quem dera eu te fazer sofrer na cama de tanto prazer e tesao exautivamente

  3. MARCELO diz:

    MARAVILHA!! ADORARIA SABER QUE A MINHA ESPOSA DEU O CÚ NA RUA…..

    VOCE TEM FOTOS PRA GENTE TROCAR? TENHO VARIAS DA MINHA ESPOSA. marcelo-tozo@live.com

  4. JUNIO diz:

    EU TAMBEM GOSTO MUITO DE COMER UM CUZINHO…SE TIVER ALGUMA MULHER QUERENDO ME DAR ..ML.VG@HOTMAIL.COM

  5. eduardo diz:

    achei essa historia muito excitante e queria comer o cu da sua mulher tambem

  6. dddd diz:

    A mulher casou com 16 anos e já tinha dado o rabo pra mais dois antes dele….kkk qual é?

Deixe um comentário

XHTML: Pode usar as tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>