Traí minha mulher com sua amiga!

Traí minha mulher com sua amiga!
Naquele domingo sai daquela cama de hotel com uma terrível dor de cabeça, também pudera não havia conseguido dormir a noite toda, pensava e pensava nas coisas que me aconteceram, estava fora de casa há dois dias tinha chorado, bebido e pensado um monte de bobagens, mas no final tudo que aconteceu mudou minha vida e me fez pensar muito, ganhei experiência e me ensinou a valorizar as coisas realmente importantes da vida.

Eu e minha esposa tínhamos nos casado há pouco tempo estávamos apaixonados, mas quando começamos a namorar ela ainda estava apaixonada por um ex namorado um tal de Marcos, mas me apaixonei e casamos e vivemos por uns dois anos muito bem.
Transavamos sempre e ela era muito fogosa….
Adorava trepar, até que em uma noite, estávamos nos amando e eu comecei a dizer a ela se gostava do meu pau e ela dizia que sim, então eu perguntei se ela já tinha sentido um tesão assim tão gostoso e ela ficou em silêncio ai eu insisti:
– Vai amor me conta você já sentiu uma pica tão gostosa assim?
Ela nada… Ai eu soquei mais ainda o meu pau e perguntei novamente, então ela respondeu:
– Sim já senti um pau tão gostoso como esse!

Ai me deu um tesão e comecei a foder ela com mais força e transamos muito gostoso.
– É mesmo….. e de quem foi o pau que você experimentou e que te fez ficar assim com tanta vontade?
Ela me respondeu que tinha sido de um ex namorado, nunca ela havia me falado do seu passado e insisti na brincadeira:
– Ah é e o que mais você ele fez com você?
– Ai amor pára, se eu falar você vai brigar comigo.
Ai eu disse:
– Não meu amor pode falar o quê ele fez com você?
– Ele foi meu primeiro homem fez tudo comigo.
– Tudo o quê?
Perguntei e continuava a socar o pau bem lá no fundo e ela ficou muito louca, rebolava e gemia muito…….
– Ah ele me fodia todinha, me comia, me chupava, gozava em minha boca ………..
– Ah então acho que ele foi o primeiro que comeu este cuzinho gostoso…foi?
– Foi sim, ele me comia muito e eu adorava quando ele me enrabava. Traí minha mulher com sua amiga!
Fiquei mais tesudo ainda quando ela me falou:
-Amor posso te pedir uma coisa?
E eu disse:
– Lógico que pode, peça o que quiser!
– Come meu cuzinho igual ele comia???
Aquela mistura de ciúmes e desejo me deixou muito exitado.
– E como é que ele te comia?
Então ela se deitou de bunda arrebitada para cima e deitada com o ventre sobre dois travesseiros e falou:
– Vem, era assim que ele me comia!
Não resisti e fui para cima dela, mas ela falou:
– Amor espera um pouco, antes você tem que lamber meu cuzinho igual ele fazia……. Depois você soca tudo até ao fim.
Caraca que delicia!!! E quando eu estava lá dentro ela começou a me chamar pelo nome dele:
– Vai Marcos me fode……… HUm que saudades deste pau seu filho da puta me fode gostoso…..Ai delicia……. Mete tudo seu filho da puta!!!

Ai gozamos juntinhos …
Foi uma sensação incrível e muito prazerosa nos beijamos e ela disse que me amava muito.

Depois de algum tempo comecei a acha-la estranha, calada, como se estivesse sofrendo com alguma coisa.
Fiquei com uma sensação de que ela estava me escondendo algo, certo dia ao chegar em casa, a Larisssa uma amiga dela (que por sinal é uma Deusa um tesão de mulher) estavam conversando e mudaram o assunto quando me viram.
Fiquei mais desconfiado ainda, e comecei a insistir no que estava acontecendo, e ela me disse:
– Tudo bem já que você quer saber eu te conto, mas eu temo que você me abandone depois do quê eu tenho para te dizer.
Deu-me um enorme frio na barriga, já havia ido longe demais para voltar, ela falou que me amava e que se eu não a quisesse depois de ouvir o que tinha para me dizer, que entenderia, porém seria muito infeliz, pois nosso amor era muito grande.
Ai ela me perguntou:
– Lembra daquele meu ex namorado que falamos?
Eu disse:
– Sim lógico que lembro!
– Bem eu me encontrei com ele por acaso outro dia e acabei saindo com ele, poucos dias atrás, e por isso estava daquele jeito.
Tive um enorme susto, não espera ouvir aquilo. Comecei a tremer e ela falou que não queria, mas aconteceu…….. que o tinha encontrado e …….. Nessa hora eu estava atónito sem palavras, não sabia o que fazer, eles tinham ido a uma praça um pouco afastada de casa e então ela falou que eles acabaram se beijando e ele começou a tocá-la e ela não resistiu.

Eu perguntei, já muito puto:
– O que aconteceu????
Então ela disse:
– Aconteceu, quer dizer, mais ou menos nós não chegamos a transar….
Nisso ela começou a chorar e pediu desculpas, disse que me amava, mas eu estava cego de ciúmes.
– Me fala tudo eu quero saber!!!!!!!
Ai ela falou:
– Tá bom. Ele levantou minha saia e começou a passar a mão em mim e tirou o pau para fora e eu estava muito excitada, comecei a chupar o pau dele e ele ficou muito excitado e segurou minha cabeça para que eu não parasse…. então ele gozou na minha boca…
Eu estava com muita raiva e respondi:
– Sua vaca!!!! Ai você deu para ele não foi?
– Não!!! Só foi isso!
– Me fala a verdade eu quero saber????
– Eu juro, foi só isso… tá bem ….a única coisa a mais é que eu gozei enquanto chupava o pau dele porque ele me deu umas palmadas na bunda.
– Porquê você fez isso sua vaca ?
– Amor me desculpe… Eu sei lá, ele foi meu primeiro homem e você sabe muito bem o tempo que demorou para eu o esquecer. E o tesão que me dá nas nossas brincadeiras eu sempre penso nele.

Nessa hora fiquei muito puto e sai de casa, peguei meu carro e sumi, fui até um bar mas nem beber eu conseguia.
Bem, sumi por dois dias curtindo uma puta dor de corno e ela me ligava no celular mas eu não atendia, mesmo morrendo de vontade de falar com ela.
O pior é que no fundo enquanto eu imaginava ela transando com o cara eu ficava excitado e isso me deixava mais puto ainda.
Bem, então já era Domingo de manhã, isso tudo ocorreu na sexta-feira, o telefone toca já ia desligar quando olho o numero e era a Larissa, sua amiga, então eu atendi.
– Alô
– Oi Carlos tudo bem?
– É eu acho que você já deve estar sabendo, sendo tão amiga assim.
Foi ai que ela perguntou onde eu estava, lhe dei o endereço do hotel e ela foi até lá para conversarmos.

Quando ela chegou, olhei para ela e meu coração disparou, meu pau ficou duro como rocha, ela estava com um vestidinho que eu adoro e um perfume que me deixava louco…
Então começamos a conversar, nos sentamos no sofá, ela me pediu para perdoar a Márcia que eu não me arrependeria, ela já a conhecia há muito tempo e era sua melhor amiga, que ela estava sofrendo e etc…. e que ela me faria o homem mais feliz do mundo.
Falei que estava muito decepcionado com ela e com a situação. Nisso eu abaixei meus olhos e não pude deixar de admirar seus peitos, ela percebeu meu tesão, e me falou:
– Poxa! E se tivesse sido você? E se acontecesse com a gente, por exemplo, como seria?
Então ela foi chegando mais perto e não deixou por menos… me beijou com aquela boca carnuda e molhada, começou a passar a mão no meu pau por cima da calça e falou:
– hum que delicia como ele está duro!!!
– Você sabe o tesão que eu tenho por você?
– Sim eu sei, seu tarado você sempre fica olhando para meus peitos!!!
Então ela tirou ele para fora da calça e começou a chupar como nunca ninguém havia feito, cuspiu na cabeça e espalhou a saliva com as mãos lambeu meu saco e engolia minha pica como uma gulosa. Lambia a cabeça e me punhetava, ai que delicia…
Foi quando ela parou e tirou o vestido deixando a mostra aquelas enormes tetas que estavam sem sutiã e uma calcinha branca minúscula, eu não podia acreditar, aquela mulher nunca havia me dado bola e eu sempre a comia com os olhos, mas nunca até então, nada……….

Estava sentado no sofá e ela veio por cima de mim sentada de frente um joelho de cada lado e começou a passar a bucetinha, ainda de calcinha, em meu pau, falei para ela:
– Ai meu tesão tira esta calcinha e deixa eu socar minha pica em você!!!!
– Não, eu quero que primeiro você perdoe minha amiga…
– Tá bom, mas tira esta calcinha….
Então ela tirou a calcinha e a esfregou em minha cara…..
– Lambe seu filho da puta, lambe minha calcinha….
Ai ela sentou e encaixou só a cabecinha do meu pau em sua bucetinha e ficou brincando ali, eu queria meter e ela não deixava…

– Como eu posso ter certeza que você vai perdoar a Márcia?
Ai, eu louco de tesão falei:
– Lógico que vou perdoar!
E ela me deu mais um beijo molhado e mordeu minha língua, ela estava com muito tesão também, foi sentando deixando meu pau bater lá no fundo, ficou cavalgando, gemendo como uma louca. O suor escorria dos nossos corpos, um delicioso cheiro de sexo invadia nossas narinas me fazendo ter um orgasmo incontrolável.
Socava aquela bucetinha com força e ela adorava me falava:
– Soca filho da puta, safado, me fode seu puto, come está cadela safada come….
Então ela gozou como louca me abraçando, e ficamos assim por um bom tempo.
Fomos tomar uma ducha e eu içava admirando aquela mulher, aquele tesão de mulher, seus peitos sua bunda ela era perfeita.
Pedi um café pelo interfone e fomos para a cama, ela tinha um papo legal e tomamos nosso café sempre com muitos beijos e carinhos.
Então ela falou para eu me deitar e começou a chupar meu pau outra vez, disse:
– Fica quietinho, que vou cuidar de você!
Lambia a cabecinha do meu pau passando a língua por ele todo depois enfiava na boca e mamava como uma gatinha, depois ficou na posição para que eu também a chupasse e não deixei por menos lambia toda sua bucetinha, de um lado a outro enfiava a língua lá no fundo e bebia todo o seu mel…
Quando já não agourentava mais, quis colocar naquela bucetinha deliciosa outra vez e ela deitou e eu coloquei até o fundo, enquanto estávamos trepando ela de novo me perguntou se eu tinha perdoado a Márcia, e eu novamente disse que sim, foi quando ela e falou:
– Então não pára de meter que vou fazer uma coisa….

Ela pegou o celular na cabeceira da cama e ligou para minha mulher… minha mulher atendeu e ela falou ..
– Oi Márcia tudo bem?
A Márcia lhe respondeu aflita:
– Tudo bem, e ai? Como foi com ele?
E ela disse:
– Tudo bem amiga ele te perdoou, foi meio difícil de convencer-lo, mas pode falar com ele aqui, e me passou o telefone…
Ai a filha da puta da Larissa ficou rebolando em meu pau, enquanto eu falava com minha mulher, falei que estava tudo bem que depois voltaria para casa e conversaríamos, ai ela falou:
– vem rápido que quero fazer amor com você até amanhã de manhã…………

Adorei aquela situação falava com meu amor enquanto metia naquela gostosa, minha mulher pediu para falar com a Larissa de novo passei o celular para ela.
Ai a minha esposa falou:
– Obrigada viu amiga não sei como te agradecer!!!
E ela respondeu:
– Não tem que me agradecer nada não menina o seu marido já me agradeceu e muito……………
Bem gente quem quiser saber mais de mim escreva para o e-mail neno.paz@hotmail.com
incontri online

Podes seguir todas as respostas a este artigo subscrevendo gratuitamente a RSS 2.0 feed. Também podes deixar um comentário, ou enviar um trackback através do seu site.
1 comentario
Deixe um comentário

XHTML: Pode usar as tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>